fbpx
Início » Blog do Rico » Concurso Senado: contratação da banca segue em aberto

Concurso Senado: contratação da banca segue em aberto

Postado em 03 jun 2020 em Blog do Rico

Ainda é possível que bancas organizadoras enviem propostas e demonstrem interesse em gerir o Concurso Público do Senado Federal. De acordo com a comunicação da assessoria de imprensa do órgão, o chamamento público emitido previamente serviu apenas para solicitação de um projeto básico, por parte das bancas interessadas. 

 

Portanto, ainda é possível que as instituições enviem suas propostas finais para organizarem o concurso. Depois, dentro do próprio processo de seleção, ainda serão contabilizados oito dias úteis para que as bancas definam e informem seus preços. 

 

De acordo com a comunicação do Senado, não é possível dizer quando o concurso público de fato ocorrerá. O anúncio do cronograma será feito apenas após a escolha da banca. 

 

Esse processo de contratação deve ser finalizado até o fim do mês de junho. O processo é importante pois além da definição da banca, ajuda a calcular o custo da seleção, tal qual o preço de inscrição. 

 

 

Audiência pública e bancas interessadas

 

A movimentação para a realização de um novo concurso público do Senado iniciou em dezembro de 2019, após a autorização ser emitida em outubro do mesmo ano. Na época, uma audiência foi sediada pela comissão organizadora do certame, a fim de receber as bancas interessadas. 

 

O objetivo por trás do evento era agrupar dados técnicos para que fosse possível compor o projeto base do concurso público. Ao todo, nove instituições participaram, dentre elas: 

 

  • –  Fundação Getúlio Vargas 

  • – Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação

  • – Fundação Cesgranrio

  • – Cebraspe

  • – Instituto AOCP

  • – Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural Assistencial

  • – Instituto Americano de Desenvolvimento

  • – Instituto Acess

  • – Instituto Acesso Público

 

 

 

O que se sabe até o momento?

 

O concurso para o Senado Federal abrirá 40 vagas para novos servidores do órgão, de nível médio e superior, a serem divididos entre as carreiras de: técnico legislativo, advogado e analista legislativo. 

 

Das 40 vagas, 24 oportunidade são reservadas para o cargo de técnico legislativo, na especialidade de policial legislativo, cujos vencimentos mensais são de, em média, R$ 19.537,46. Os interessados deverão possuir formação de nível médio. 

 

Além disso, quatro das vagas são para a carreira de advogado, que requer nível superior de escolaridade e conta com remuneração de R$ 33.003,55. 

 

E, por fim, 12 vagas para analista administrativo, que tem como exigência formação superior em áreas específicas e uma remuneração de R$ 25.764,85.

 

Vale lembrar que, de acordo com o próprio presidente da comissão organizadora do concurso, Roberci Ribeiro, o ideal é que o concurso aconteça ainda em 2020. Isso porque uma cláusula da atual lei orçamentária prevê a contratação dos 40 aprovados para este ano. Caso o processo se estenda até 2021, o mesmo não pode ser garantido.

 

Notícias Relacionadas

Concurso CRA RS: Fundatec é escolhida como banca organizadora

Edital está previsto para sair nas próximas semanas.

Concurso Telebras: análise interna e deliberação sobre possível edital

Novo concurso deve acontecer após o fim do estado de calamidade

Concurso IME 2020/2021: novo edital conta com vagas de nível superior

Edital do certame oferta seis vagas para engenheiros

Regulamento do Concurso DPE PR é publicado

O concurso público ofertará vagas para o quadro de apoio da Defensoria Pública do Paraná

Cursos Relacionados
Curso EAD pós-edital de Departamento Penitenciário Nacional para o concurso DEPEN 2020
Saiba Mais
Curso EAD pós-edital de Ética no Serviço Público para o concurso DEPEN 2020
Saiba Mais
Curso EAD pós-edital de Direito Penal e Processo Penal para o concurso DEPEN 2020
Saiba Mais
Curso EAD pós-edital de Legislação Especial para o concurso DEPEN 2020
Saiba Mais